VISITAS

13 de outubro de 2010

Enfeitiçada



Deitada sob a grama verde musgo.
Olhos cerrados... Aroma fresco... Pensamentos vagos...
Sonhos ou não? Se for um sonho, não me desperte...

Se for realidade que seja eterna

O som vindo do seu violão, ao fundo o som das águas do riacho parecem dividir a cena, somando a sua melodia perfeita.
 
Abro os olhos e encontro os seus fitando-me profundamente.
Me sinto amada, segura, protegida... Afinal, você está ao meu lado...
O que posso temer?

Paz, tranquilidade...
Um amor incondicional...

Se tenho medo? Sim, sinto medo...
Medo deste sentimento gigantesco que se apossou de mim
Sou novata, não sei como lidar; Isso é, alguém realmente sabe lidar com esse sentimento verdadeiramente?!!...

Nossos olhares se entendem, não precisamos de palavras, somente olhares e ações...

Você é mágico, surreal...

Por você, estou totalmente enfeitiçada!



(Lílian Neves)